Informações Turísticas

Atenção você, leitor! Quando passar por aqui, deixe um comentário. Ao menos um "Oi. Tudo bem?" , "Certinho?" , ou algo assim. Ok!? Muito obrigada!!!!

Em certas situações...

o que mais queremos fazer é nos enfiar num buraco e esperar que tudo volte ao normal. Certo?

Fotos gentilmente "cedidas" pelo site O Pequi.

Com certeza você já passou por algum vexame, embaraço, saia-justa, ou qualquer destas denominações e seu primeiro pensamento foi: "Onde tem um buraco pra eu me enfiar?"

Normalmente pensamos isso quando o assunto é vergonha (pessoal ou alheia). Mas, às vezes nos vemos tão cheios de preocupações e tarefas que o que mais queremos é nos esconder.

Essa foi a frase que mais pensei hoje. E quando me deparei com essa coleção de fotos (acima) pensei: PERFEITA!

Estas são peças da exposição do chinês Li Wei, chamada "Li Wei falls To...".
Incrível!

Mais fotos e dados de Li Wei aqui.

Um comentário:

A Filha do Zé... disse...

Oi, Pimentinha...
Pois é, já desejei ser avestruz diversas vezes...já paguei micos enormes, verdadeiros King Kongs...rs...Mas o que sempre me bate nestas horas é a certeza que não adianta...o mundo continua acontecendo fora do buraco e uma hora precisarei sair...então, nem entro nele...sou sempre a primeira a rir das situações non sense em que me por vezes me encontro...Há também os dias em que desejo ser avestruz por simplesmente não achar forças para resistir...e mais uma vez me recuso a ficar no buraco...afinal...a vida é feitas de opções...e escolho a vida, a saúde, a sanadidade ao invés da tristeza, solidão e depressão que a cabeça dentro do buraco representa...Não é fácil...mas o negócio é viver um dia de cada vez...e respirar entre um e outro...rsrsrs

Espalhe isso

Outros vizinhos: